Integração com Padrões que utilizam arquivos

Última atualização em: 05 de julho, 2017

 

Alguns padrões adotados pelas prefeituras utilizam arquivos para a integração, e o fluxo de emissão fica um pouco diferente dos demais que utilizam a integração via Web Service. A seguir é detalhado um passo-a-posso desse fluxo:

     1. Enviando o RPS para o módulo NFS-e
A primeira etapa é enviar o XML para o módulo NFS-e. Este XML conterá os dados da NFS-e, da mesma forma como os outros padrões que se comunicam via web service. Não há diferenças na primeira etapa, basta enviar o XML para o web service de Recepção do RPS. A imagem abaixo mostra um exemplo do XML de Envio.

     2. Adquirindo o arquivo com o Lote de RPS da Prefeitura
Nos padrões que utilizam arquivo como integração será retornado conteúdo nas duas tags: <Arquivo> e <ExtensaoArquivo>. A tag “Arquivo” conterá o arquivo em Base64 que deverá ser decodificado e transformado em um arquivo e a tag “ExtensaoArquivo” conterá a extensão do arquivo. Para informações de como decodificar o conteúdo da tag em arquivo ver o artigo Exemplo de decodificação de base64 para arquivo.

     3. Enviando o arquivo para a prefeitura
Para enviar o arquivo para a prefeitura é necessário acessar o Portal da NFSE da mesma. Dentro do portal haverá uma opção para importar o arquivo. A localização desta opção muda de padrão para padrão, por exemplo, no SigCORP TXT a opção está em NFS-e e depois Enviar Arquivo (Lote), conforme imagem abaixo:

img_sistema_integracao
Após o upload, a prefeitura irá validar, importar os RPSs e transforma-los em NFS-e.

     4. Obtendo o retorno da Prefeitura
Para completar o fluxo com o módulo NFS-e e efetivar o RPS (ou cancelar, caso a prefeitura tenha essa opção), é necessário obter o arquivo de retorno da prefeitura, que conterá as NFS-e. Como exemplo, no SIGCorp TXT, basta ir em Movimento, selecionar o período, ir em Serviços Prestados / Ferramentas NF-e e clicar em Exportar Notas Emitidas, conforme imagem abaixo:

img_sistema_integracao_ii

     5. Enviando o retorno da prefeitura para o InvoiCy NFS-e

Para enviar o arquivo com as NFS-e para o InvoiCy, utiliza-se o mesmo web service para o Envio do RPS. A diferença nesse caso é que o XML deve conter apenas o Cabeçalho e as tags <Arquivo>,<ExtensaoArquivo>,<CNPJ_Prest> e <tpAmb>. A tag <Arquivo> preenchida com o arquivo da prefeitura codificado em Base64, a tag <ExtensaoArquivo> com a extensão do arquivo, <CNPJ_Prest> com o CNPJ da Empresa e a tag <tpAmb> com o Tipo de Ambiante: 1-Produção e 2-Homologação. O InvoiCy irá realizar o processamento necessário para o padrão e retornar o status do mesmo.

Veja um exemplo de upload.

Notas Rejeitadas

Os padrões com arquivo não costumam ter notas rejeitadas. Isso se dá pelo fato de que a validação ocorre na prefeitura, o InvoiCy apenas gera o arquivo a ser enviado para a prefeitura. Caso o RPS seja rejeitado na prefeitura, ele normalmente não é importado (pode variar de padrão para padrão), e o retorno da prefeitura não irá contemplar aquelas notas que foram rejeitadas pela prefeitura. Caso algum RPS no arquivo esteja inválido, pode-se corrigir o RPS e repetir os passos 1 a 3.

Cancelamento de notas fiscais
O cancelamento no InvoiCy NFS-e, se dá de 2 formas:

1. Quando uma nota é cancelada na prefeitura, deve-se repetir o procedimento n° 4, pois no retorno da prefeitura conterá o status da nota (cancelada ou efetivada).

2. Através do web service de Cancelamento, no qual a nota será marcada como cancelada apenas no InvoiCy.

Artigos Relacionados:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s