Padrão DigiFred

 

Para o padrão DigiFred existe algumas diferenças em relação aos demais modelos que seguem o padrão ABRASF, listadas abaixo:

  1. Substituição

Não é possível realizar a substituição de uma NFSe. É necessário cancelar a NFSe atual, e logo após emitir uma nova NFSe com os dados corretos.

  1. Ambiente de homologação

Neste ambiente somente há o webservice, e os dados cadastrais da empresa, ou seja, não é possível consultar as NFSes emitidas via sistema do município, e também não é possível gerar o espelho do RPS conforme layout do mesmo.

  1. Numeração do RPS

A numeração do RPS deve ser única, independente da série. Não é possível reenviar um RPS com a mesma numeração, mesmo que o RPS ainda não tenha sido convertido em NFSe.

  1. Espelho de NFS-e da Prefeitura

O usuário tem a disposição a impressão do espelho da NFS-e original gerado pela prefeitura, porém apenas para ambiente de produção.

        5 . Regime Especial de Tributação

Os valores aceitos pela prefeitura no campo Regime Especial de Tributação são:

Regime Especial de Tributação

       6 . Valor do ISS

Se o prestador for optante pelo simples nacional e o município for igual ao município de incidência, , a alíquota e o valor do ISS informado no XML não é recebido pela prefeitura.

Acesse o exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e, clicando aqui.

Imprimir NFS-e Prefeitura – Antigo

 

O InvoiCy NFS-e disponibiliza através da visualização do espelho do RPS um modelo de documento padronizado que pode ser impresso e entregue ao tomador como forma de comprovar a emissão da Nota Fiscal de Serviço.

Porém, alguns municípios disponibilizam uma forma padronizada de obter a representação impressa do sistema da prefeitura, e alguns prestadores de serviço preferem trabalhar com essa impressão (por escolha própria, uma vez que a legislação permite o modelo próprio).

Para atender os prestadores que possuem tal demanda, o InvoiCy NFS-e permite a busca pela representação impressa da prefeitura, mas somente para NFS-e já efetivadas.

Imprimindo o espelho da prefeitura

Acessando os detalhes da nota, através da mesma ação de impressão do espelho do InvoiCy NFS-e.

Acoes

Se o município do prestador estiver habilitado a imprimir NFS-e da prefeitura e a nota estiver efetivada, será exibida uma tela com as duas opções:

ModeloImpressao2

A opção Padrão imprime o espelho conforme modelo do InvoiCy NFS-e. Já a opção Prefeitura fará a busca pela impressão da NFS-e original da prefeitura.


Como verificar se meu município está habilitado para impressão no layout da prefeitura

Acessando a tela de dados da empresa, ao final da página existirá a opção de habilitar a Impressão da prefeitura se o município permitir esta funcionalidade. Quando o município não possui recurso de impressão de notas ou o InvoiCy NFS-e não possui integrada este recurso, a opção não é exibida na tela.

ImpressaoPrefeitura

Ao selecionar ‘Sim’ o sistema possibilitará, ao executar a ação de impressão do espelho, a escolha do modelo padrão ou da prefeitura, como descrito anteriormente. Por outro lado, ao selecionar ‘Não’ o sistema irá gerar sempre o espelho no modelo do InvoiCy NFS-e.

Integração via Web Service

Ao selecionar no cadastro da empresa que deseja a impressão da prefeitura, o xml de retorno do Web Service de CONSULTA conterá o campo <ImpPrefeitura> contendo o link de visualização diretamente do site do município, como no exemplo abaixo:

<ImpPrefeitura>http://nfse.carazinho.rs.gov.br/contribuinte/nota/nota-impressa/codigo_verificacao/23606601</ImpPrefeitura>

Ao marcar como Não, essa tag não será retornada.

Erro de permissão de acesso

O sistema de algumas prefeituras, por mais que disponibilizem link direto para a impressão da nota, apresentam um controle de acesso que irá impedir a impressão caso o usuário não esteja conectado no sistema do município.

AcessoNegado

A primeira alternativa a realizar para contornar este problema é acessar manualmente o sistema online de NFS-e da prefeitura, através de seu login e senha e manter esta página aberta no navegador. Posteriormente, em outra aba ou janela, acessar novamente o link de impressão.

SitePrefeitura

Acessando novamente o link, o download da representação impressa da prefeitura é realizada normalmente.

Download

Padrão DigiFred – Antigo

Para o padrão DigiFred existe algumas diferenças em relação aos demais modelos que seguem o padrão ABRASF, listadas abaixo:

  1. Substituição

Não é possível realizar a substituição de uma NFS-e. É necessário cancelar a NFS-e atual, e logo após emitir uma nova NFS-e com os dados corretos.

  1. Ambiente de homologação

Neste ambiente somente há o webservice, e os dados cadastrais da empresa, ou seja, não é possível consultar as NFS-e emitidas via sistema do município, e também não é possível gerar o espelho do RPS conforme layout do mesmo.

  1. Numeração do RPS

A numeração do RPS deve ser única, independente da série. Não é possível reenviar um RPS com a mesma numeração, mesmo que o RPS ainda não tenha sido convertido em NFS-e.

  1. Espelho de NFS-e da Prefeitura

O usuário tem a disposição a impressão do espelho da NFS-e original gerado pela prefeitura, porém apenas para ambiente de produção. Para saber como funciona a impressão do espelho da prefeitura, consulte aqui.

  1. Natureza da Operação.

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão do InvoiCy NFS-e abaixo:

Natureza da Operação

  1. Regime especial de tributação.

O campo regime especial de tributação deverá seguir o padrão do InvoiCy NFS-e abaixo:

Regime Especial

Obs: Se o prestador for optante pelo simples nacional e o município for igual ao município de incidência, a alíquota e o valor do ISS informado no XML não é recebido pela prefeitura.

Segue exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e, clique aqui.

Padrão DB NFSE – Antigo

Última atualização em: 29 de outubro, 2014

Para o padrão DB NFSE existem algumas diferenças em relação aos demais modelos que seguem o padrão ABRASF, listadas abaixo:

1. Ambiente de homologação

Para habilitar a emissão de NFS-e em homologação via web service é necessário entrar em contato com a prefeitura para solicitar a liberação. Posteriormente, é necessário contatar novamente para habilitar a empresa para emissão em produção.

Os testes de envio em homologação possuem a mesma validação do ambiente de produção. Porém, durante a integração identificou-se que as notas em homologação eram excluídas diariamente pelo sistema da prefeitura (consultas no dia seguinte retornavam que a nota não existe), reiniciando também o número da NFS-e. Desta forma, recomenda-se que o teste de consulta e cancelamento de uma NFS-e em homologação seja realizado no mesmo dia em que a nota foi emitida neste ambiente, para que seja possível encontrar a numeração correta.

O ambiente de produção, por outro lado, mantém os registros e segue a numeração permanentemente.

2. O sistema não permite

  • Envio de RPS sem tomador
  • Informar o Intermediário do serviço
  • Substituição de RPS
  • Itens da nota
  • Deduções

3. Espelho de NFS-e da Prefeitura

O usuário tem à disposição a impressão do espelho da NFS-e original gerado pela prefeitura. Porém o sistema do município possui um controle de acesso que permite apenas que usuários logados possam baixar o arquivo PDF. Desta forma, para poder visualizar o espelho da prefeitura é necessário que o usuário tenha aberto em outra aba do navegador o sistema de NFS-e da prefeitura, antes de acessar pelo InvoiCy ou diretamente via URL. O modelo de espelho gerado pelo InvoiCy, por outro lado, é gerado sem nenhuma complicação. Para saber como funciona a impressão do espelho da prefeitura, consulte aqui.

4. Natureza da Operação

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão do InvoiCy NFS-e abaixo:

Para visualizar o XML de exemplo clique aqui.

Padrão DB NFSE

Última atualização em: 29 de outubro, 2014

 

Para o padrão DB NFSE existem algumas diferenças em relação aos demais modelos que seguem o padrão ABRASF, listadas abaixo:

1. Ambiente de homologação

Para habilitar a emissão de NFS-e em homologação via web service é necessário entrar em contato com a prefeitura para solicitar a liberação. Posteriormente, é necessário contatar novamente para habilitar a empresa para emissão em produção.

Os testes de envio em homologação possuem a mesma validação do ambiente de produção. Porém, durante a integração identificou-se que as notas em homologação eram excluídas diariamente pelo sistema da prefeitura (consultas no dia seguinte retornavam que a nota não existe), reiniciando também o número da NFS-e. Desta forma, recomenda-se que o teste de consulta e cancelamento de uma NFS-e em homologação seja realizado no mesmo dia em que a nota foi emitida neste ambiente, para que seja possível encontrar a numeração correta.

O ambiente de produção, por outro lado, mantém os registros e segue a numeração permanentemente.

2. O sistema não permite

  • Envio de RPS sem tomador
  • Informar o Intermediário do serviço
  • Substituição de RPS
  • Itens da nota
  • Deduções

3. Espelho de NFS-e da Prefeitura

O usuário tem à disposição a impressão do espelho da NFS-e original gerado pela prefeitura. Porém o sistema do município possui um controle de acesso que permite apenas que usuários logados possam baixar o arquivo PDF. Desta forma, para poder visualizar o espelho da prefeitura é necessário que o usuário tenha aberto em outra aba do navegador o sistema de NFS-e da prefeitura, antes de acessar pelo InvoiCy ou diretamente via URL. O modelo de espelho gerado pelo InvoiCy, por outro lado, é gerado sem nenhuma complicação.

Para visualizar o XML de exemplo clique aqui.

Configurando o InvoiCy para identificar e disponibilizar XML aos franqueados

Última atualização em: 07 de maio, 2015

 

Para os clientes que utilizam a Plataforma InvoiCy e dispõem de uma rede de lojas que fazem uso de diferentes sistemas, de forma que a Plataforma InvoiCy disponibilize os arquivos XML corretamente a cada sistema é necessário identificar cada um destes arquivos XML.

Para isso, adicionou-se a Plataforma a opção de configurar um diretório para onde os arquivos XML serão exportados. Essa configuração se dá através do Painel de Controle, Configurações Personalizadas no Módulo NFC-e, como demonstra a imagem a seguir. Destacando que apenas os usuários com o Perfil de Administrador  e Parceiro terão acesso a essa tela.

Na tela de Configurações Personalizadas é possível informar o caminho do diretório onde os arquivos XML da empresa serão exportados. A imagem abaixo representa a configuração deste parâmetro.

O aplicativo responsável pela exportação dos documentos irá executar de forma automática, com um intervalo padrão de 10 minutos, sendo possível configurar o tempo de execução e ajustá-lo de acordo com as necessidades do usuário.

Será realizada uma busca pelos arquivos XML das NFC-es autorizadas, canceladas, inutilizadas e denegadas, exportando para o diretório configurado na tela de Configurações Personalizadas. Destacando que apenas serão exportados os arquivos que possuírem o protocolo de autorização da SEFAZ, onde estes seguirão o layout oficial da própria SEFAZ, conforme a Nota Técnica 2013.005 – v1.03, disponível em http://www.nfe.fazenda.gov.br/portal/exibirArquivo.aspx?conteudo=UL1Gh3Ol5NY=.

Os arquivos serão exportados com uma nomenclatura padrão, sendo armazenados em diretórios separados por Ano, Mês e Dia, mas ambos dentro do diretório configurado para cada empresa. É importante salientar que o diretório de exportação configurado deve estar acessível, e na mesma rede em que a Plataforma InvoiCy estará instalada.

Nomenclatura para arquivos de NFC-es autorizadas:

COD_FILIAL_CNPJ_AAMMDD_SERIE_NF_procNFCe.xml.

Nomenclatura de eventos como Cancelamento ou Carta de Correção:

COD_FILIAL_CNPJ_AAMMDD_SERIE_NF_tipoevento_sequencialevento-procEve.xml.

Nomenclatura dos arquivos de NFC-es inutilizadas:

COD_FILIAL_CNPJ_AAMMDD_SERIE_NF_procInutNFe.xml.

O aplicativo irá controlar de forma automática para que o mesmo documento não seja exportado mais de uma vez. E no caso de falhas durante o processo de exportação é possível configurar para que uma pessoa responsável receba notificações por e-mail.

Importando dados para cadastro de novas empresas

Última atualização em: 22 de outubro, 2014

 

A Plataforma InvoiCy foi adequada de forma a possibilitar o cadastro de novas empresas através da importação de arquivos XML contendo as respectivas informações da empresa para cadastro. Da mesma forma, possibilitará a alteração de empresas que já estiverem cadastradas, onde para isso a Plataforma também estará realizando a leitura do arquivo XML armazenado no repositório, para posterior atualização dos dados da empresa cadastrada.

Exemplificando o funcionamento deste processo, o ERP ou outra aplicação do cliente deverá alimentar um diretório com um arquivo XML contendo as informações de cadastro das empresas. O InvoiCy irá ler este diretório e realizar o cadastro da empresa, ou então atualizar os dados caso a  mesma já esteja cadastrada.

O layout para cadastro de empresas contém algumas informações básicas como Nome Fantasia, Apelido, Razão Social, CNPJ, Inscrição Estadual, Endereço, Número, Bairro, CEP, Município, CNAE e CRT. Porém, ainda existem mais campos que podem ser conferidos no seguinte arquivo: LayoutCadastroEmpresa, juntamente com alguns exemplos de arquivos XML.

Foi incluída bem no início do layout de cadastro da empresa a tag:

<EmpChaveParceiro>: para informação da chave de parceiro da empresa, sendo obrigatória a sua informação.

Ainda dentro da tag <Parametros> foram incluídas também as tags:

<CodigoFilial>: informação do código para identificação da Filial;

<PermitirCorrecaoNFCe>: opção para a empresa indicar se irá permitir a correção das NFC-es;

<CaminhoExportacaoXML>: informação do diretório para exportação dos arquivos XML.

É possível configurar esses parâmetros diretamente pela interface da Plataforma InvoiCy, para isso basta acessar a aplicação, onde ao efetuar login no sistema será redirecionado para a tela inicial que está representada pela imagem abaixo.

Para alterar os parâmetros da sua empresa, basta acessar o Painel de Controle, localizado no menu a esquerda da tela inicial, como destacado na figura anterior. Na tela do Painel de Controle, representada na imagem a seguir, acessar a opção Configurações Personalizadas, junto as demais opções do Módulo NFC-e.

Na tela de Configurações Personalizadas é possível informar o código da Filial, definir se a empresa permite a correção de NFC-e e ainda informar o caminho do diretório onde os arquivos XML da empresa serão exportados. Os respectivos parâmetros desta tela podem ser visualizados na imagem abaixo.

O diretório onde o ERP irá gerar os arquivos XML com as informações para cadastro das empresas também deverá ser configurado – através da tela de Parâmetros, localizada no grupo Sistema do Painel de Controle, como destacado na imagem.

Essa tela, contém uma série de parâmetros administrativos relacionados a Plataforma InvoiCy, onde somente um usuário com perfil Administrador terá acesso para realizar as configurações. A figura abaixo representa a tela de Parâmetros.

É importante destacar que somente será criado um usuário com perfil Administrador para o cliente quando o mesmo disponibilizar uma estrutura para instalação do InvoiCy. Caso a homologação do sistema seja realizada na estrutura da Migrate, por exemplo, o cliente não terá acesso a esta tela, pois não receberá um usuário do tipo Administrador.

O parâmetro de código 64 – Diretório de entrada dos XMLs do Integrador de Cadastro de Empresa, deve ser editado para configurar o diretório onde serão armazenados os arquivos XML para cadastro das empresas. A imagem a seguir representa a tela de edição deste parâmetro, onde deve-se informar no campo Valor o caminho do diretório desejado.

É importante salientar que o diretório configurado deve estar acessível e na mesma rede onde a Plataforma InvoiCy foi instalada. O aplicativo que fará a inclusão/edição das empresas será executado com um intervalo padrão de 1 hora, podendo ser configurado o tempo de execução de acordo com as necessidades do cliente.

Conforme os arquivos forem processados com sucesso serão movidos para um novo diretório denominado “Processados”, que se encontra no mesmo endereço do diretório configurado pela empresa.

Os arquivos que resultarem em falhas durante o processo de cadastro terão a inclusão de uma tag no final do seu conteúdo, informando a descrição do problema. Estes arquivos serão movidos então para um novo diretório denominado “Falhas”, que também se encontra no mesmo endereço do diretório configurado pela empresa. Caso o cliente deseje, pode-se configurar para que uma pessoa responsável seja notificada por e-mail quando ocorrer uma falha durante a execução do processo.

Informando campos adicionais para identificar Filial

Última atualização em: 22 de outubro, 2014

 

A Plataforma InvoiCy permite ao usuário informar o código da Filial, o caminho do diretório onde os arquivos XML da empresa serão exportados e ainda definir se a empresa irá permitir a correção de NFC-e. Estas opções podem ser configuradas na tela de Configurações Personalizadas, que pode ser acessada pelo Painel de Controle, opção Configurações Personalizadas no Módulo NFC-e. Os parâmetros citados acima podem ser visualizados na imagem abaixo.

Padrão Solução Pública

Última atualização em: 22 de outubro, 2014

Para o padrão Solução Pública existe algumas diferenças em relação aos demais modelos que seguem o padrão ABRASF, listadas abaixo:

1. Ambiente de homologação

Não são todos os municípios do padrão que possuem esta funcionalidade. Caso a prefeitura disponha deste serviço, deve ser solicitado um acesso para poder utilizar o sistema.

2. Habilitação para importação de arquivo na prefeitura

Para possibilitar a emissão de NFS-e via importação de arquivo, é necessário solicitar à prefeitura que habilite a empresa a realizar importação(upload) de arquivo de RPS.

No município piloto, Carmópolis de Minas, os funcionários do setor de NFS-e não tinham conhecimento da possibilidade de emissão via upload de arquivo de RPS, se tornando necessário contatar a empresa desenvolvedora do sistema, “Solução Pública”, através do contato do analista de suporte Marcos, do município de Ipatinga, para realizar esta opção.

Conforme imagem abaixo, no sistema deverá aparecer uma aba no menu com a opção “RPS”. Quando a empresa não estiver habilitada a emitir RPS, esta opção não será exibida.

3. Substituição

A substituição de RPS só pode ser feita direto na prefeitura. A nota com substituição não poderá ser importada pelo InvoiCy NFS-e.

4. Cancelamento

O cancelamento de RPS só pode ser feito direto na prefeitura. No InvoiCy NFS-e apenas é possível marcar a NFS-e como cancelada.

Para visualizar o XML de exemplo clique aqui.

Padrão Solução Pública – Antigo

Última atualização em: 22 de outubro, 2014

Para o padrão Solução Pública existem algumas diferenças em relação aos demais modelos que seguem o padrão ABRASF, listadas abaixo:

1. Ambiente de homologação

Não são todos os municípios do padrão que possuem esta funcionalidade. Caso a prefeitura disponha deste serviço, deve ser solicitado um acesso para poder utilizar o sistema.

2. Habilitação para importação de arquivo na prefeitura

Para possibilitar a emissão de NFS-e via importação de arquivo, é necessário solicitar à prefeitura que habilite a empresa a realizar importação(upload) de arquivo de RPS.

No município piloto, Carmópolis de Minas, os funcionários do setor de NFS-e não tinham conhecimento da possibilidade de emissão via upload de arquivo de RPS, se tornando necessário contatar a empresa desenvolvedora do sistema, “Solução Pública”, através do contato do analista de suporte Marcos, do município de Ipatinga, para realizar esta opção.

Conforme imagem abaixo, no sistema deverá aparecer uma aba no menu com a opção “RPS”. Quando a empresa não estiver habilitada a emitir RPS, esta opção não será exibida.

3. Substituição

A substituição de RPS só pode ser feita direto na prefeitura. A nota com substituição não poderá ser importada pelo InvoiCy NFS-e.

4. Cancelamento

O cancelamento de RPS só pode ser feito direto na prefeitura. No InvoiCy NFS-e apenas é possível marcar a NFS-e como cancelada.

5. Natureza da Operação.

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão do InvoiCy NFS-e abaixo:

Para visualizar o XML de exemplo clique aqui.