Padrão DATAPUBLIC – Antigo

O Padrão DATAPUBLIC é do tipo TXT, não disponibilizando de Web Services para emissão, consulta e cancelamento de NFS-e, fazendo-se necessário a geração de arquivos para upload no sistema web da prefeitura. Abaixo estão detalhadas as particularidades deste padrão:

1. Lote e Número Único do RPS

O padrão DATAPUBLIC utiliza um controle por Lote e Número de NFS-e para emissão. Desta forma não é permitido que haja repetição dos números de RPS no mesmo lote.

Os números deverão ser utilizados de forma sequencial, a partir da numeração já utilizada para a emissão de NFS-e no sistema web da prefeitura, mesmo que o sistema permita a importação de números repetidos e com outro número de lote. Esta recomendação deverá ser seguida para evitar problemas com interpretação no sistema da prefeitura, uma vez que não é exibido o número do lote importado/gerado.

2. Natureza da Operação

Tabela com as opções de Natureza da Operação aceitas pela pelo sistema DATAPUBLIC:

natop

3. O sistema não permite:

  • Inutilização da Nota;
  • Substituição de RPS
  • Não dispõe de ambiente de homologação;

4. Importação do RPS

Após a geração do arquivo TXT contendo o RPS, é necessário acessar o sistema web da prefeitura e realizar o upload do mesmo. Para isso deve-se primeiramente validar o arquivo, acessando o validador através do menu “UTILITÁRIOS => Importar Lote de RPS”, onde o usuário é redirecionado para a seguinte tela:

ImportacaoRPS.pngRecomenda-se, primeiramente, validar o arquivo antes de efetuar a importação para garantir que o arquivo não contém inconsistências.

5. Exemplo de XML

Acesse um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e, clicando aqui.

6. Importação do Retorno

Como este padrão não tem suporte à Web Services, é necessário exportar um arquivo XML contendo as informações das NFS-e emitidas e que se deseja importar o retorno das mesmas.

Através do menu ”UTILITÁRIOS => Exportar NFS-e” o usuário é redirecionado para uma tela onde pode ser informado um “Range” de NFS-e para download ou apenas a NFS-e desejada, no entanto devem ser preenchidos os 2 campos “Nota Inicial e Nota Final” presentes na tela.

importacaoretorno

Após baixar o arquivo de retorno gerado o mesmo deverá ser convertido em Base64 ser enviado para o webservice a fim de atualizar a situação do RPS no InvoiCy. Obrigatoriamente deve-se informar o valor “XML” para a Tag “ExtensaoArquivo”

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao Modulo GNFS-e.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s