Simulação em contingência Offline – InvoiCy Conector

Última atualização em: 30 de novembro, 2018

Olá! Neste artigo abordaremos como realizar testes de emissão em contingência de NFC-e no modo offline, via InvoiCy Conector.

Inicialmente, vale destacar que esta contingência só será permitida quando a SEFAZ estiver offline, ou quando houver algum problema de comunicação entre InvoiCy e SEFAZ. Caso o estabelecimento do emissor estiver sem comunicação com o InvoiCy, seja por indisponibilidade de internet ou qualquer outro problema técnico, a contingência offline não será permitida. Para que esta modalidade de emissão funcione, é necessário ao menos que o emissor tenha uma conexão de internet com o InvoiCy.

Vale lembrar também, que para o Estado de São Paulo, a contingência offline é proibida por lei.

1 – Realizando testes de simulação em contingência

Para realizarmos os testes, será necessário seguir alguns passos, conforme descrito abaixo.

– Acessar o Painel de Controle do InvoiCy, menu Configurações para Emissão (Módulo NFC-e):

– Na tela de configurações, selecionar a primeira opção de contingência como “offline”, e marcar o campo Ativar simulação de contingência como “SIM”. Salve ao final da página.

– Com o InvoiCy operando em simulação de contingência, já pode ser realizado o envio de uma NFC-e via Conector. Para tal, gere uma NFC-e qualquer e envie o documento ao InvoiCy.

Este documento, deve receber o status 108 – Entrada em contingência sem retorno da SEFAZ.

Neste momento, este primeiro documento será o identificador de que algo de errado aconteceu na comunicação entre InvoiCy e SEFAZ, e a partir das próximas notas emitidas, todas serão emitidas em contingência offline.

Esta nota fiscal que obteve retorno 108, pode tanto ter autorizado na SEFAZ, como simplesmente não ter chegado até lá. Não sabemos o que ocorreu, sabemos apenas que houve algum erro na sua emissão, e não podemos consultá-la, pois o serviço da SEFAZ está inoperante. Esta nota deverá então ser descartada, e uma próxima nota deve ser emitida em seu lugar, com um novo número.

– Após receber o status 108, o procedimento correto é gerar novamente a mesma nota fiscal, porém com o número incrementado em +1. Por exemplo, se a nota emitida que recebeu 108 fosse a nota de número 50, ela deve ser gerada novamente com o número 51, e ser enviada. Esta nota com número 51, será então autorizada em modo offline, e sua aplicação irá receber o retorno 109 – Contingência Offline, com o documento PDF para impressão.

Paralelo à isso, deve ser enviado o pedido de descarte da nota número 50, que recebeu status 108. Para tal, gere a estrutura XML abaixo no diretório de entrada do Conector:

O processamento deste arquivo, irá lhe retornar status 100 – Solicitação de descarte de documento recebido. O InvoiCy agendará então o processamento de descarte do documento 50, e assim que a SEFAZ voltar a operar, providenciará o descarte.

– Todas as próximas notas serão emitidas de forma offline e receberão status 109, até que seja desativada a simulação de contingência nas configurações para emissão do Painel de Controle. Uma vez desativada a simulação, o InvoiCy entende que a SEFAZ voltou a operar, e as próximas notas enviadas após a desativação da simulação, serão emitidas no fluxo normal.

– Após desativação da simulação em contingência, o InvoiCy irá reenviar as notas emitidas em contingência offline, e fará a sincronização destes documentos. Eles ficarão autorizados no InvoiCy. Já o documento inicial, aquele primeiro que recebeu status 108 e que teve pedido de descarte, será consultado pelo InvoiCy para identificar se o mesmo foi autorizado, ou se não consta na base de dados da SEFAZ. Caso o documento foi autorizado, ele será automaticamente cancelado pelo InvoiCy. Se não constar na base da SEFAZ, o documento será inutilizado.

Em caso de dúvidas, contate nossa central de atendimento através do e-mail atendimento@migrate.com.br.

 

Padrão D2TI

Última atualização em: 28 de novembro, 2018

O Padrão D2TI segue o modelo de layout próprio. Segue abaixo suas particularidades:

1. O sistema não permite:

  • Consulta de NFS-e;
  • Substituição de Notas Fiscais de Serviço Eletrônica;
  • Inutilização;
  • Construção Civil e Intermediário do serviço.

2. Disponível

  • Grupo de itens da nota;
  • Grupo de deduções referentes aos serviços e materiais utilizados.

3. Informações cadastrais

O contribuinte que utilizar RPS deve realizar a atualização cadastral que permite essa operação. Isto deve ser verificado na secretaria da fazenda da prefeitura do seu município. Deve realizar a solicitação de um token, caso não possua, para iniciar a emissão por meio de web service. Esse token deve ser informado durante o wizard de cadastro do InvoiCy BR na informação de chave primária de autenticação.

4. Tomador do exterior

  • Não informar o CPF ou CNPJ ;
  • O campo de Exigibilidade ISS deve ser informado 3, conforme layout (Isento de ISSQN);
  • Informar o país de prestação de serviço no grupo do serviço.

5. Código CNAE

  • O código CNAE segue as regras legislativas do município, devendo ser informado conforme a tabela de item da lista de serviço e CNAE cadastrados no sistema da prefeitura.

6. Impressão

  • Possui disponibilidade de impressão para o ambiente de produção pelo modelo da prefeitura do município.

7. Natureza da Operação:

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão próprio:

Natureza da operação

8. Tipo de dedução

Conforme tabela de deduções do sistema do município:

Tipo de dedução

9. Tipo de dedução do item

Tabela de deduções referentes à dedução que será utilizada nos itens:

Tipo de dedução do item

10. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

Padrão SIAP

Última atualização em: 21 de novembro, 2018

O Padrão SIAP utiliza o modelo de layout XML da ABRASF 2.0. Abaixo estão detalhadas as particularidades deste padrão:

1. O sistema não permite:

  • Inutilização da Nota;
  • Emitir uma mesma numeração com série divergente;
  • Tomador do exterior;
  • Intermediário do serviço.

2. Tomador

Não permite enviar o RPS sem possuir tomador na nota.

3. Cancelamento

O cancelamento de NFS-es não está disponível via WebService para o município de Santarém-PA, em virtude de uma exigência da prefeitura.

4. Natureza da Operação

Tabela com as opções de Natureza da Operação aceitas pelo sistema:

Natureza da operação

5. Exemplo XML

Clique aqui para visualizar um exemplo de XML enviado ao InvoiCy NFS-e.

Release Notes – Versão 2.10.0

Versão 2.10.0 – 27/11/2018 – em produção

Emissão de NF-e com pessoa física

O InvoiCy foi ajustado de acordo com a NT 2018/001, que permite a emissão de NF-e por pessoas físicas que possuem inscrição estadual, e um certificado digital do tipo e-CPF.

Com isso, o InvoiCy passa a atender a demanda de produtores rurais que também precisam emitir uma Nota Fiscal Avulsa (NFAe).

Conforme regra da SEFAZ, os documentos emitidos por pessoas físicas devem obedecer a faixa de numeração para série, devendo estar entre 920 e 969. Para isso, basta informar a nova tag ‘CPF_emit’ do grupo do emitente, ao invés da tag ‘CNPJ_emit’, conforme o layout de integração.

Reenvio de NF-e

Foi disponibilizado um novo botão de reenvio de documento para o módulo NF-e, porém o mesmo estará disponível de acordo com as permissões do usuário configuradas no Painel de Controle – Usuários da empresa – Permissões, como demonstra a imagem abaixo.

A opção de reenvio está disponível nos detalhes/ações do documento, e somente será visível para os usuários que possuem a permissão configurada. A ação poderá ser utilizada para reenviar os documentos que não estiverem com status final.

Ação reenviar documento

Adequação do CT-e conforme NT 2018/002

– Permitir relacionar NF-e emitida por emitente pessoa física com inscrição na relação de documentos transportados: Com a implementação da possibilidade de emissão de NF-e por pessoas físicas, as regras de validação das informações dos documentos transportados foram alteradas, passando a permitir que seja informado uma NF-e emitida por pessoa física.

– Inclusão do grupo de informações do fornecedor de software: A emissão de CT-e conta a partir de agora com um novo grupo de informações relativas ao responsável técnico pelo sistema utilizado na emissão dos documentos. Estas informações são opcionais, porém conforme orientação da SEFAZ, futuramente o preenchimento deste grupo poderá ser exigido.

As informações enviadas neste novo grupo poderão ser consultadas na tela de detalhes do documento no InvoiCy, juntamente com as informações do Emitente.

Adequação do MDF-e conforme NT 2018/002

A partir de agora pessoas físicas que possuem inscrição estadual poderão realizar a emissão de MDF-e para registrar operações de transporte próprio, bastando para isso possuir um certificado digital do tipo e-CPF. Conforme regra da SEFAZ, os documentos emitidos por pessoas físicas devem obedecer a faixa de numeração para série, devendo estar entre 920 e 969.

O emitente pessoa física somente poderá relacionar uma NF-e emitida por ele na relação de documentos transportados, nas informações do MDF-e.

– Inclusão do grupo de informações do fornecedor de software: Foi alterado o layout do MDF-e para permitir a identificação do responsável técnico pelo software utilizado na emissão do documento fiscal. Estas informações não são obrigatórias, porém o preenchimento do grupo poderá ser exigido futuramente, ficando à critério de cada UF.

– Corte de voo

Alteração nas informações do MDF-e modal aéreo, para contemplar casos onde parte da carga não embarcar na aeronave.

Geração de parcelas na digitação de NF-e

A partir da nova atualização do sistema, será permitida a geração de parcelas manualmente ao emitir documentos pela tela de digitação. Será necessário realizar manualmente o preenchimento dos campos das parcelas, como pode ser observado na imagem abaixo.

Seguem alguns pontos de atenção:

– Atualmente quando é excluída alguma parcela, é realizado o recálculo dos valores das parcelas, dividindo em partes iguais. Isso acontecerá apenas se as parcelas foram geradas de forma automática, caso contrário, serão mantidos os valores digitados pelo usuário, sem recalcular ao excluir alguma parcela;

– Hoje se as parcelas são digitadas manualmente, elas serão preenchidas com zeros a esquerda, evitando possíveis rejeições.

Número da NFS-e na tela de documentos

Buscando agilidade para o usuário, agora o InvoiCy conta com a informação do número da NFS-e na tela de documentos. Ao passar o cursor em cima do número do RPS, aparecerá também o número da NFS-e emitida, veja na imagem abaixo.

Tamanho da fonte nas informações complementares do DANFE

A tela de configurações de impressão da NF-e conta com um novo parâmetro que possibilita escolher o tamanho da fonte (pequena ou grande) para as informações complementares que serão impressas no DANFE.

Para efetuar a configuração basta acessar o Painel de controle – módulo NF-e – Impressão, e procurar pelo parâmetro ‘Tamanho da fonte nas informações complementares’. Este estará habilitado para edição apenas quando o modelo do DANFE for personalizado, conforme demonstra a imagem abaixo.

Validação de certificado na digitação de NF-e

A partir dessa versão, será realizada uma verificação quanto ao certificado digital da empresa, ao tentar acessar a tela para digitação de NF-e.

Caso o certificado esteja vencido, será apresentada uma mensagem de erro, não liberando o acesso a tela, evitando assim que o usuário digite toda a nota e só ao tentar realizar a emissão descubra que tem problemas com seu certificado. A imagem abaixo demonstra a nova mensagem que será exibida.

No caso de a empresa não possuir nenhum certificado digital informado, será exibida uma  mensagem conforme imagem abaixo, também bloqueando seu acesso a tela.

Permitir emissão de Eventos do MDF-e via tela

Disponibilizamos a opção de realizar o encerramento e a inclusão de condutor em um MDF-e de forma manual, diretamente pela tela de detalhes do documento no InvoiCy.

Para realizar o encerramento de um MDF-e é preciso acessar a tela de detalhes do documento e clicar sobre o ícone conforme mostrado na imagem a seguir.

Encerramento_MDFe

Ao clicar sobre o ícone, será apresentada uma nova tela onde deve ser informada a data de encerramento, a UF e a cidade onde ocorreu o encerramento do MDF-e. Por padrão esta tela irá apresentar as informações enviadas no momento da emissão do documento. A imagem a seguir mostra a tela de encerramento de MDF-e.

Para realizar a inclusão de um condutor no MDF-e é preciso acessar os detalhes do documento, e clicar sobre o ícone conforme mostra a imagem a seguir.

Inclusao_Condutor_MDFe

Ao clicar na opção de incluir condutor, será apresentada a tela para informar o nome e o CPF deste novo condutor, conforme imagem a seguir.

Permitir envio do campo “Imagem do Rodapé” no cadastro de empresa via WS: para clientes emitentes de NFS-e o InvoiCy oferece a possibilidade de cadastrar uma imagem para ser exibida no rodapé do espelho da NFS-e. A partir desta versão, este cadastro poderá ser realizado também via web service. Para utilizar esta opção basta informar a imagem convertida para Base64 na tag <EmpImgRodapeBase64>, utilizando o layout de cadastro de empresas no padrão do InvoiCy.

Imprimir valor do Imposto de IPI Devolvido no DANFE: esta nova versão do InvoiCy passa a oferecer a possibilidade de exibir a informação do valor do IPI devolvido no DANFE. Os valores de IPI devolvido serão apresentados quando constarem no documento emitido, nos mesmos locais destinados ao IPI normal, porém identificados como imposto devolvido.

Detalhamento da versão

Para conhecer todas as modificações realizadas nesta versão, clique aqui.

 

Versão 2.10.0 – mais detalhes

Última atualização em: 27 de novembro, 2018

Confira todas as alterações e melhorias realizadas na versão 2.10.0 do InvoiCy, que já está em produção:

Código da solicitação – Descrição:

NF-e:

8745 – Emissão de NF-e com pessoa física: a partir de agora pessoas físicas que possuem inscrição estadual poderão realizar a emissão de NF-e.

9294 – Botão para reenvio de NF-e: foi disponibilizado um novo botão de reenvio de documento para o módulo NF-e, porém o mesmo estará disponível de acordo com as permissões do usuário.

9389 – Geração de parcelas na digitação de NF-e: a partir da nova atualização do sistema, será permitida a geração de parcelas manualmente ao emitir documentos pela tela de digitação.

9352: Informar placa e volume na digitação: será possível informar os dados de placa, volumes e reboques no transporte, mesmo sem informar uma transportadora na digitação da NF-e.

9377 – Tamanho da fonte nas informações complementares do DANFE: foi criado um novo parâmetro na tela de configurações de impressão da NF-e, que permite escolher o tamanho da fonte para as informações complementares que serão impressas no DANFE.

9430 – Validação de certificado na digitação de NF-e: foi implementada uma verificação quanto ao certificado digital da empresa, ao tentar acessar a tela para digitação de NF-e.

9408 – Imprimir valor do Imposto de IPI Devolvido no DANFE: realizado ajuste no DANFE para permitir a exibição das informações do IPI devolvido.

CT-e:

9137 – Adequação do CT-e conforme NT 2018/002: com a nova NT foi incluído o novo grupo de informações do fornecedor de software, além da possibilidade de relacionar NF-e emitida por emitente pessoa física com inscrição na relação de documentos transportados.

MDF-e:

9138 – Adequação do MDF-e conforme NT 2018/002: com a nova NT pessoas físicas que possuem inscrição estadual poderão realizar a emissão de MDF-e, também houve alteração nas informações do MDF-e modal aéreo, além da inclusão do novo grupo de informações do fornecedor de software.

9044 – Permitir emissão de Eventos do MDF-e via tela: implementada a possibilidade de emissão de eventos de encerramento e inclusão de condutor de forma manual, via tela do InvoiCy.

NFS-e:

9115 – Número da NFS-e na tela de documentos: agora o InvoiCy conta com a informação do número da NFS-e na tela de documentos. Ao passar o cursor em cima do número do RPS, aparecerá também o número da NFS-e emitida.

9282 – Padrão Safeweb – Sarandi/RS: foi liberado o novo padrão Safeweb para o município de Sarandi – RS. Para mais informações leia a documentação do padrão clicando aqui.

8885 – Substituição de documentos após terminar o prazo de cancelamento: a partir desta versão do InvoiCy, prestadores de serviço que emitem NFS-e nos municípios atendidos pelo Padrão COPLAN poderão utilizar o serviço de substituição de documentos nos casos em que o prazo de cancelamento tenha finalizado.

9307- Serviço para busca do espelho da NFS-e para o padrão ISS.NET: prestadores de serviço dos municípios atendidos pelo Padrão ISS.NET, a partir de agora poderão realizar a impressão do espelho da NFS-e no modelo disponibilizado pela prefeitura.

9474 – Permitir envio do campo “Imagem do Rodapé” no cadastro de empresa via WS: a partir desta versão é possível informar no cadastro de empresa via web service, uma imagem para ser exibida no rodapé do espelho da NFS-e. Para isso foi adicionada a tag ‘EmpImgRodapeBase64’ no layout de cadastro de empresas do InvoiCy.

Padrão VLCNET WS

Última atualização em: 16 de novembro, 2018

O Padrão VLCNET WS 2.0  segue o modelo padronizado de layout xml próprio. Segue abaixo suas particularidades:

1. O sistema não permite:

  • Substituição de Notas Fiscais de Serviço Eletrônica;
  • Inutilização;
  • Intermediário do serviço;
  • Construção Civil;
  • Lista de Itens.

2. Usuário e senha

O contribuinte deve solicitar com a prefeitura do seu município um usuário e senha para realização da emissão das notas fiscais. Devendo informá-los no wizard de cadastro de sua empresa no InvoiCy BR, identificado como usuário e senha de autenticação.

3. Série do RPS

Padrão segue um sequencial no envio da numeração do RPS,e deve ser utilizada uma série única definida pelo contribuinte, para mais informações  contate a prefeitura do seu município.

4. Obrigatoriedades

  • Informar valor no item da lista de serviço;
  • Informar valor na natureza da operação.

5. Discriminação

O valor máximo a ser informado no campo da discriminação permitida pela prefeitura é de 150 caracteres.

6. Tomador do exterior

  • Não informar o CPF ou CNPJ;
  • O campo de Exigibilidade ISS deve ser informado 3 , conforme layout (Isenção);
  • Código do município deve ser informado vazio para o grupo do tomador bem como para o serviço.
  • Informar o país de prestação de serviço no grupo do tomador .

7. Código CNAE

O código CNAE segue a regras legislativas do município, sendo informado apenas quando o município possuir em sua legislação a permissão para tal, em certos municípios não possui a exigência para informar, portanto mantendo em branco.

8. Impressão

Não possui disponibilidade de impressão pelo modelo da prefeitura do município.

9. Natureza da Operação:

O campo de natureza da operação deverá seguir o padrão ABRASF:

Natureza da operação

10. Exemplo XML

Para visualizar um XML de exemplo clique aqui.

 

 

NFS-e de entrada – Como funciona

Última atualização em: 16 de novembro, 2018

Para utilizar a NFS-e de entrada no InvoiCy é necessário contratar a extensão “Documentos importados”, e configurar uma caixa de leitura de e-mail onde são recebidas as notas fiscais.

Para saber mais sobre essa extensão leia o artigo Extensão Documentos importados. Para configurar a caixa de e-mail, siga os passos do artigo Configurando uma caixa de e-mail.

Um processo automático ficará rodando no servidor e fará a leitura dos XMLs na caixa de e-mail configurada.

Já para os municípios que possuem o serviço de retorno da NFS-e de entrada via Web Service, é sempre disparada uma consulta após a meia noite, consultando as notas do dia anterior, armazenando automaticamente no cloud os documentos retornados pelo município.

Obs.: Até o momento, possuímos 507 municípios integrados que disponibilizam o serviço via Web Service para retornar as notas de entrada.
Padrões: NF Paulistana, DUETO 2.0, BETHA 2.0, WEB ISS 2.0, ISSWEB Fiorilli.

Para identificar quais os municípios que disponibilizam a nota fiscal de entrada, é possível consultar através do nosso mapa de municípios integrados com NFS-e, clicando no link Municípios integrados com NFS-e.

 

Para visualizar as notas basta clicar no ícone da extensão ‘Documentos importados’ na parte superior direita da aplicação, conforme demonstra a imagem abaixo.

 

Através desse ícone é possível acessar a nova tela de documentos importados, onde serão listados todos os documentos NFS-e que foram importados para o InvoiCy.

 

Também disponibilizamos um serviço de exportação dessas notas de entrada. É possível disparar uma consulta no InvoiCy para obter o documento e dar entrada no ERP. Para utilizar esse serviço, siga os passos do artigo Exportação de NFS-e de entrada.

 

Release Notes – Versão 2.7.0

Versão 2.7.0 – 09/10/2018 – em produção

Nesta versão do InvoiCy disponibilizamos aos clientes que realizam emissão de NFS-e no município de Vitória – ES a possibilidade realizar a impressão do espelho da NFS-e por meio do link de impressão disponibilizado pela prefeitura e retornado pelo InvoiCy no momento do envio do documento.

 

 

por claudiomigrate Postado em InvoiCy

Release Notes – Versão 2.6.0

Versão 2.6.0 – 12/09/2018 – em produção

Melhoria de performance na tela de documentos

Buscando mais agilidade para a aplicação, foi implementada uma nova forma de pesquisa na tela de documentos. Quando realizada a busca através de determinados filtros, de documentos anteriores, será adicionado automaticamente o filtro de datas personalizadas, com data inicial e final correspondente ao intervalo de um mês.

O usuário poderá somente filtrar sem o período de data quando informar o número e/ou a série dos documentos que deseja buscar. Para configurar o intervalo de datas, caso necessário, o usuário deve selecionar a opção “Mais filtros”, em seguida selecionar a opção ‘Personalizar datas’ e inserir o intervalo de datas desejado, respeitando o período máximo de 60 dias. A imagem abaixo demonstra o filtro de datas personalizadas.

Alteração do status “Necessita interação” para “Pendente de consulta”

Nas versões anteriores, quando a Plataforma InvoiCy não conseguia comunicação com a SEFAZ, o documento enviado ficava com status “Necessita interação”.

A partir dessa versão, a descrição desse status será alterada para ‘Pendente de consulta’. Para saber mais informações sobre esse novo status leia o artigo Status pendente de consulta.

Forma de impressão do relatório de documentos faltantes

Nesta versão foi disponibilizada uma nova configuração para o usuário definir a forma de geração do relatório de documentos não verificados e faltantes. Agora, o usuário pode escolher entre a opção PDF ou Excel no momento de gerar o relatório. A imagem abaixo representa essa nova configuração na tela.

Cancelamento de documentos com certificado digital A3 através da tela de documentos

A partir dessa versão, as empresas que fazem uso do certificado digital A3 poderão efetuar o cancelamento de suas NF-e através da tela de documentos.

É importante destacar que poderão ser canceladas com certificado A3 apenas as NF-e que foram emitidas via digitação, também com certificado digital A3.

Inutilização de documentos em digitação com certificado digital A3

Também será possível efetuar a inutilização das NF-e que estão em digitação, fazendo uso do certificado digital A3.

Alterações na tela de digitação conforme NT 2016/002 v. 1.60

A tela de digitação foi ajustada de acordo com a NT 2016/002 v. 1.60, onde foi removida a opção ‘Forma de pagamento’ do grupo de cobrança, e adicionada no grupo ‘Informações de pagamento’. Conforme pode ser observado na imagem abaixo.

O grupo ‘Duplicatas’ foi renomeado para ‘Parcelas’, e estará sempre visível em tela agora.

Link de impressão do padrão WebISS – Vilhena/ES

A partir dessa versão as empresas emissoras de NFS-e para o padrão WebISS, poderão configurar na tela de configurações para emissão se desejam receber no retorno o link de impressão da prefeitura, através da configuração ‘Retornar link de impressão da prefeitura, quando disponível’.

Link de impressão do padrão ISSe – Maringá/PR

As empresas emissoras de NFS-e para o padrão ISSe, também poderão configurar na tela de configurações para emissão se desejam receber no retorno o link de impressão da prefeitura.

Detalhamento da versão

Para conhecer todas as modificações realizadas nesta versão, clique aqui.

Versão 2.6.0 – mais detalhes

Última atualização em: 12 de setembro, 2018

Confira todas as alterações e melhorias realizadas na versão 2.6.0 do InvoiCy, que já está em produção:

Código da solicitação – Descrição:

8857 – Melhoria de performance na tela de documentos: quando realizada a busca através de determinados filtros, será adicionado automaticamente o filtro de datas personalizadas, correspondente ao intervalo de um mês. O usuário poderá somente filtrar sem o período de data quando informar o número e/ou a série dos documentos que deseja buscar.

8964 – Forma de impressão do relatório de documentos faltantes: disponibilizamos uma nova configuração para o usuário definir a forma de geração do relatório de documentos não verificados e faltantes, podendo escolher entre a opção PDF ou Excel no momento de gerar o relatório.

9179 – Alteração do status “Necessita interação” para “Pendente de consulta”: a partir dessa versão, quando a Plataforma InvoiCy não conseguir comunicação com a SEFAZ, o documento enviado ficará com status ‘Pendente de consulta’, e não mais ‘Necessita interação’.

NF-e:

9002 – Cancelamento de documentos com certificado digital A3 através da tela de documentos: as empresas que fazem uso do certificado digital A3 poderão efetuar o cancelamento de suas NF-e através da tela de documentos, mas poderão ser canceladas com certificado A3 apenas as NF-e que foram emitidas via digitação, também com certificado digital A3.

8862 – Inutilização de documentos em digitação com certificado digital A3: será possível efetuar a inutilização das NF-e que estão em digitação, fazendo uso do certificado digital A3.

9059 – Alterações na tela de digitação conforme NT 2016/002 v. 1.60: foi removida a opção ‘Forma de pagamento’ do grupo de cobrança, e adicionada no grupo ‘Informações de pagamento’. O grupo ‘Duplicatas’ foi renomeado para ‘Parcelas’, e estará sempre visível em tela.

NFS-e:

9038 – Link de impressão do padrão WebISS: empresas emissoras de NFS-e para o padrão WebISS, do município de Vilhena/ES, poderão configurar se desejam receber no retorno o link de impressão da prefeitura.

9052 – Link de impressão do padrão ISSe: empresas emissoras de NFS-e para o padrão ISSe, do município de Maringá/PR, também poderão configurar na tela de configurações para emissão se desejam receber no retorno o link de impressão da prefeitura.